Dissertações e Teses
  • 2023-07

    Revolta da Chibata e João Cândido: olhares e perspectivas na História Escolar

    Título

    Revolta da Chibata e João Cândido: olhares e perspectivas na História Escolar

    Autor
    Geisa Oliveira Balbino Ferreira
    Orientador(a)
    Martha Campos Abreu
    Data de Defesa
    2023-07-13
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    145
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Álvaro Pereira do Nascimento
    Larissa Moreira Viana
    Martha Campos Abreu

    Resumo

    A presente pesquisa objetiva compreender como as produções sobre a Revolta da
    Chibata de 1910 e o marinheiro João Cândido Felisberto, considerado o líder do levante, se
    manifestam no Tempo Presente nos livros didáticos, mais precisamente nos livros do 9° ano
    da disciplina de História. Esses livros foram selecionados pelo PNLD (Programa Nacional do
    Livro Didático), no ano de 2020, e destinados às escolas públicas brasileiras, do Ensino
    Fundamental II. Visando realizar uma análise comparativa da circularidade dos
    conhecimentos sobre a Revolta e seu líder em outros livros didáticos, estabelecemos como
    parâmetro de recorte temporal a comemoração do centenário da Revolta da Chibata no ano de
    2010. Por isso, utilizaremos também os exemplares do PNLD 2011, ano subsequente a esta
    celebração. Os livros didáticos de História foram as principais fontes utilizadas nesse
    trabalho. Contribuir para uma perspectiva de educação antirracista a partir da historiografía e
    escrita da história escolar no ensino básico é um dos principais objetivos desta dissertação.




  • 2023-07

    TENSÕES NA ESCOLA DO IMPERADOR: UMA CRÍTICA À HISTÓRIA ÚNICA DOS TRABALHADORES DO COLÉGIO PEDRO II (1837-1889)

    Título

    TENSÕES NA ESCOLA DO IMPERADOR: UMA CRÍTICA À HISTÓRIA ÚNICA DOS TRABALHADORES DO COLÉGIO PEDRO II (1837-1889)

    Autor
    Letícia Sousa Campos da Silva
    Orientador(a)
    Paulo Cruz Terra
    Data de Defesa
    2023-07-13
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    299
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Alessandra Frota Martinez de Schueler
    Fabiane Popinigis
    Keila Grinberg
    Paulo Cruz Terra
    Ynaê Lopes Dos Santos

    Resumo

    Esta tese teve como objeto o Colégio Pedro II no século XIX a partir de um ponto de
    vista que articulou os campos da história da educação e da história social do trabalho
    com as perspectivas decoloniais. Trata-se de um estudo cujo objetivo central foi encarar
    a escola como um espaço de trabalho e, portanto, examinar as condições laborais das
    pessoas a serviço desse estabelecimento de ensino desde sua fundação, em 1837, até o
    final do Império. A pesquisa pretendeu, ainda, dar visibilidade a trabalhadores que não
    têm sido lembrados nas narrativas construídas a respeito da instituição e
    desmonumentalizar uma obra tomada como seu sustentáculo – a saber: a Memória
    Histórica do Colégio de Pedro Segundo, publicada no ano de seu centenário. Por essa
    razão, fundamentou-se em um corpus documental variado contendo o Almanaque
    Laemmert, dispositivos legais, relatórios ministeriais e diversos manuscritos, sobretudo
    os papeis trocados entre os reitores do colégio e as autoridades imperiais. Assim
    procedendo, as principais discussões centraram-se nos impactos da ideologia liberal de
    vertente imperial-escravista sobre a organização escolar; na coexistência de livres e
    escravizados na composição da força de trabalho do colégio; nos conflitos decorrentes
    das relações laborais e nas estratégias para a mobilização de direitos com foco na
    atuação dos serventes africanos livres, dos inspetores de alunos e dos professores.




  • 2023-07

    "O PNLD no contexto de ruptura institucional: o desmonte de uma política pública (2017/2021)"

    Título

    "O PNLD no contexto de ruptura institucional: o desmonte de uma política pública (2017/2021)"

    Autor
    Igor Luis Santos Marques de Oliveira
    Orientador(a)
    Laura Antunes Maciel
    Data de Defesa
    2023-07-07
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    158
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Alexandra Lima da Silva
    Flávia Eloisa Caimi
    Laura Antunes Maciel

    Resumo

    Esta dissertação historiciza o Programa Nacional do Livro e do Material Didático (PNLD)
    priorizando os sentidos políticos do Decreto no 9099/2017. Problematizam-se os mecanismos
    de produção dos livros didáticos a partir da análise histórica da concepção desses materiais
    desde 1985, bem como a historicidade dos editais e guias do livro didático elaborados após o
    referido decreto. Demonstra-se a imbricação do PNLD com outras duas modificações
    curriculares postas em prática após 2016: a terceira versão da BNCC e a Reforma do Ensino
    Médio, mapeando a atuação de determinados sujeitos e as concepções curriculares
    subjacentes que explicam, também, o crescimento do mercado de sistemas estruturados de
    ensino. A atuação da imprensa alinhada com as modificações curriculares citadas é valorizada
    enquanto meio de produção de sentidos que as legitimam, especialmente no que se refere à
    noção de qualidade educacional. Identifica-se nesta documentação uma rede de
    "especialistas" que escrevem em grandes periódicos há décadas sobre assuntos educacionais,
    defendendo princípios de mercado para a organização da educação pública, além de transitar
    em cargos governamentais de determinados governos. Por fim, a pesquisa apresenta a
    configuração do produto "Livro Didático de História" por meio de entrevistas com autores
    desses materiais, analisando suas perspectivas e experiências no PNLD, além de algumas
    apropriações desses livros por parte de professores de História e seus estudantes.




  • 2023-07

    POLÍTICAS DE ACUMULAÇÃO NA CRISE DO ESCRAVISMO: TERRA, TRABALHO E CAPITAL NO IMPÉRIO DO BRASIL (1870-1890)

    Título

    POLÍTICAS DE ACUMULAÇÃO NA CRISE DO ESCRAVISMO: TERRA, TRABALHO E CAPITAL NO IMPÉRIO DO BRASIL (1870-1890)

    Autor
    Jean Lucas Ramos Veloso
    Orientador(a)
    Tâmis Peixoto Parron
    Data de Defesa
    2023-07-07
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    195
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Daniel de Pinho Barreiros
    Maria Verónica Secreto Ferreras
    Tâmis Peixoto Parron

    Resumo

    Esse trabalho analisa as disputas entre as elites imperiais pela reestruturação das
    práticas jurídicas de apropriação da terra, do trabalho e do capital no Império do Brasil,
    entre 1870 e 1890. Propondo uma análise holística das transformações das economias
    internacionais e nacional, o trabalho analisará como essas disputas proporcionaram o
    alavancar de discursos que ameaçavam o poderio histórico da classe senhorial escravista
    e seus representantes políticos. Dessa maneira, o estudo buscará escapar das armadilhas
    do internalismo metodológico para visualizar como as transformações do capitalismo
    histórico na segunda metade do oitocentos foram capazes de afetar as possibilidades de
    aquisição fundiária, de força de trabalho e o fornecimento de crédito para a reprodução
    da economia agrícola por todo o território brasileiro.




  • 2023-07

    Interações sociais, modos de reconhecimento e materialidade: um estudo das Associações Profissionais e Religiosas no Egito Romano por meio das Estelas Funerárias do Alto Egito

    Título

    Interações sociais, modos de reconhecimento e materialidade: um estudo das Associações Profissionais e Religiosas no Egito Romano por meio das Estelas Funerárias do Alto Egito

    Autor
    Beatriz Moreira da Costa
    Orientador(a)
    Alexandre Santos de Moraes
    Data de Defesa
    2023-07-06
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    296
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Alexandre Santos de Moraes
    Carolina Coelho Fortes
    Liliane Cristina Coelho
    Pedro Vieira da Silva Peixoto
    Regina Maria da Cunha Bustamante

    Resumo

    Em nossa tese, focalizamos a região da Thebaida (Alto Egito), que abrange os treze
    nomos mais ao sul do Egito, de Abidos a Assuã. Utilizando a teoria da ação social de
    Bourdieu e a metodologia iconográfica de Panofsky, concentramos nossa análise em
    três nomos específicos: Abidos, Dendera e Coptos. O período selecionado corresponde
    ao Principado, época da dominação romana, iniciada no final do século I AEC. com a
    anexação do território por Augusto, até o final do século III EC. A pesquisa investiga as
    associações profissionais e religiosas existentes na Thebaida durante o Egito Romano.
    Essas associações podem ser caracterizadas como grupos de agentes que compartilham
    interesses comuns, tanto de natureza profissional quanto religiosa. Ao participarem
    dessas associações, os agentes buscam assistência e apoio mútuos, especialmente em
    questões relacionadas à morte e ao ambiente funerário como um todo. Nossa análise
    visa examinar a relação entre as associações profissionais e religiosas durante o Egito
    Romano, a confecção de estelas funerárias e a manutenção da identidade dos agentes
    envolvidos nessas associações. Com base na teoria da ação social de Bourdieu,
    demonstramos que essas associações desempenharam um papel fundamental na
    preservação da identidade dos seus membros. Como documentos, utilizamos uma série
    de papiros do período, além de estelas funerárias e pedras memoriais. Criamos um
    catálogo virtual disponível em roegias.omeka.net, assim como um catálogo físico.
    Através da análise das interações sociais, do simbolismo visual presente nas estelas e,
    ainda, do estudo das associações profissionais e religiosas, buscamos compreender o
    funcionamento dessas corporações como espaços de preservação identitárias de agentes
    e grupos. A documentação selecionada proporcionou uma compreensão abrangente das
    práticas sociais, das crenças religiosas e do significado simbólico e prático das estelas
    funerárias no contexto do Egito Romano na região do Alto Egito.




  • 2023-07

    Pour la France: os estrangeiros no Exército Francês durante a Grande Guerra (1914-1918).

    Título

    Pour la France: os estrangeiros no Exército Francês durante a Grande Guerra (1914-1918).

    Autor
    Carlos Roberto Carvalho Daróz
    Orientador(a)
    Angelica Müller
    Data de Defesa
    2023-07-06
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    224
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Angelica Müller
    Augusto António Alves Salgado
    Paulo André Leira Parente
    Renata Torres Schittino
    Vágner Camilo Alves

    Resumo

    O propósito da presente investigação é avaliar o papel dos estrangeiros no Exército Francês
    durante a Primeira Guerra Mundial – a Grande Guerra. O estudo procura demonstrar como a
    França procurou solucionar o problema dos efetivos diante de um conflito global que
    demandava exércitos imensos e pressionado por baixas sem precedentes. Tal cenário foi
    favorecido pela política externa francesa adotada desde o final da Guerra Franco-Prussiana,
    consubstanciada pela diplomacie d ́influence, que impactou no processo de recrutamento e
    mobilização.
    A tese defende que a França teve um papel diferenciado no recrutamento de estrangeiros
    durante a Grande Guerra, quando comparada com as demais potências estrangeiras envolvidas
    no conflito, analisando o papel dos estrangeiros no Exército Francês no período 1914-1918.
    Na pesquisa são expostas as transformações pelas quais passou a Europa a partir das Guerras
    Napoleônicas, o desenvolvimento da guerra total e o elevado custo humano que demandou
    expressiva quantidade de baixas. Utilizando a História Militar e a História Comparada, que
    relaciona o caso francês com a ara lutar pela França. Finalmente, demonstro como o Exército
    Francês mobilizou unidades constituídas de outros países, bem como reuniu voluntários
    individuais em uma unidade sui generis, a Legião Estrangeira.




  • 2023-07

    AQUI É ITAIPU!? Os Pescadores Artesanais de Itaipu e a expansão urbana de Niterói (1970-1992) - História Pública e Incertezas

    Título

    AQUI É ITAIPU!? Os Pescadores Artesanais de Itaipu e a expansão urbana de Niterói (1970-1992) - História Pública e Incertezas

    Autor
    Ademas Pereira da Costa Junior
    Orientador(a)
    Juniele Rabêlo de Almeida
    Data de Defesa
    2023-07-06
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    121
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Catia Antonia da Silva
    Cezar Teixeira Honorato
    Juniele Rabêlo de Almeida

    Resumo

    Esta dissertação investiga e interpreta o sentido histórico das experiências do tempo que
    envolvem a transformação do mundo da vida da comunidade de pescadores artesanais de
    Itaipu-Niterói/RJ. A pesquisa de fôlego realizada entre 2017-2023, encara o desafio
    historiográfico de fundamentar metodologicamente o texto historiográfico contra o ceticismo
    do tempo presente, alinhando o texto à forma como o pensamento histórico desta comunidade
    local dá sentido a suas experiências. Para isso parte-se dos postulados da hermenêutica da
    consciência histórica que busca um retorno à narrativa e ao narrador. A investigação opera pela
    lógica da descoberta, característica dos textos de micro-história ao considerar de forma ampla
    os diferentes escopos fontes, em diferentes escalas, a fim de elucidar as condições de
    possibilidade de investigação historiográfica e históriológica sobre as comunidades de pesca
    atualmente. A pesquisa compreende a sua abordagem das tarefas crítica e metodológica através
    de reflexões filosóficas, que estruturam as condições da produção da dissertação como um
    texto-conhecimento em História Pública e História Oral, a fim de alinhar a relação entre o texto
    e o mundo da vida. Em sentido amplo, dissertação considera o sentido histórico das
    experiências do tempo como uma ação dos diferentes atores envolvidos no contexto. Em
    sentido estrito a pesquisa constitui um estudo sobre as narrativas que tematizam as
    transformações da localidade de Itaipu e seus sentidos para a comunidade de pescadores,
    cotejadas com o processo de desenvolvimento urbano da cidade de Niterói, refletindo sobre as
    condições que efetivaram a possibilidade dessas transformações acontecerem especificamente
    nesse contexto. Sendo assim, trata-se de uma investigação empírica com uma vocação teórica
    que almeja refletir sobre o tema da pesca artesanal como um desafio historiográfico
    contemporâneo, na medida em que busca atingir uma compreensão do tempo contemporâneo
    onde prevalece o sentido das incertezas sobre o mundo da vida.




  • 2023-07

    Além da "musa da esquerda": uma biografia histórica de Iara Iavelberg (1944-1971)

    Título

    Além da "musa da esquerda": uma biografia histórica de Iara Iavelberg (1944-1971)

    Autor
    Juliana Marques do Nascimento
    Orientador(a)
    Janaína Martins Cordeiro
    Data de Defesa
    2023-07-03
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    675
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Cristina Scheibe Wolff
    Daniel Aarão Reis Filho
    Janaína Martins Cordeiro
    Marcelo Siqueira Ridenti
    Vinicius Aurélio Liebel

    Resumo

    Iara Iavelberg (1944-1971), militante de organizações revolucionárias durante a ditadura civil-
    militar, como a Organização Revolucionária Marxista Política Operária (Polop) e a Vanguarda

    Popular Revolucionária (VPR), é figura conhecida entre as esquerdas. Vista na atualidade como
    a "musa da esquerda de 1968", é famosa por sua beleza, liberdade sexual – característica
    considerada "à frente de seu tempo" – e, muitas vezes, descrita como uma "feminista dentro da
    luta armada". Enquanto era viva, porém, a imagem que se tinha a seu respeito era outra: Iara
    era descrita pelos órgãos de repressão como promíscua, destruidora de lares e atrelada
    unicamente à figura de amante do capitão da guerrilha Carlos Lamarca – narrativas ecoadas
    pela imprensa da época. Seus companheiros de organização tampouco a consideravam
    apropriada para a luta armada e para se relacionar com o líder revolucionário. Entre tantas
    representações contraditórias e polêmicas, como saber quem foi Iara? Esta tese de doutorado,
    uma biografia histórica de Iara Iavelberg, procura responder a esta pergunta. A tese central
    discutida é que, em diversos momentos de sua vida e em círculos sociais diferentes, Iara foi
    considerada "inadequada". O estudo é feito utilizando como ferramentas metodológicas,
    sobretudo, o gênero como categoria de análise e o campo da história do cotidiano, para analisar
    múltiplas fontes, como entrevistas, reportagens, escritos da própria Iara e de pessoas próximas,
    documentos das organizações revolucionárias, mas também dos órgãos de repressão da ditadura
    etc. Através da vida de Iara, podem-se discutir temas mais amplos e caros para a história do
    Brasil, como a própria ditadura civil-militar, a diáspora judaica para São Paulo, o movimento
    estudantil universitário dos anos 1960 e os grupos que lutavam pelo desencadeamento de um
    processo revolucionário socialista no país.




  • 2023-07

    Expressões do poder feminino: uma análise comparada de discursos gregos e persas (séc. V-IV A.E.C.)

    Título

    Expressões do poder feminino: uma análise comparada de discursos gregos e persas (séc. V-IV A.E.C.)

    Autor
    Matheus Moraes Maluf
    Orientador(a)
    Alexandre Santos de Moraes
    Data de Defesa
    2023-07-03
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    191
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Alexandre Santos de Moraes
    Brian Gordon Lutalo Kibuuka
    Fábio de Souza Lessa

    Resumo

    A documentação antiga ateniense é bem conhecida por representar os persas
    Aquemênidas como paradigma da alteridade. Os pressupostos dessa relação identitária
    opositiva também é visível nas mulheres persas, descritas nos textos escritos e imagéticos com
    uma forte associação com um modo de ser que seria típico das sociedades orientais, havendo
    uma dupla alteridade entre Ocidente/Oriente e homem/mulher. Observa-se que esse grupo
    mulheril parecia gozar de um papel ativo na sociedade que diferia do modelo idealizado para
    as esposas atenienses, tornando-se assim potencialmente transgressor. Esse binômio
    envolvendo noções de civilidade e barbárie, segundo o olhar grego e, em geral, organizado
    segundo preocupações masculinas, também foi discursivamente associado às mulheres com
    variações explicáveis pelas diferenças de gênero. Desta maneira, no pensamento masculino
    ateniense, o sexo feminino e barbárie andam lado a lado, com as persas sendo o exemplo
    máximo da barbárie e barbarismo feminil. Assim, a presente dissertação buscar compreender
    as expressões da barbárie feminina na documentação grega comparando-a com a documentação
    persa. A proposta é reconhecer a dimensão feminina da barbárie a partir da forma com que os
    atenienses expressaram medidas de comportamento que não necessariamente seriam concordes
    com a experiência social das mulheres persas. Trata-se, portanto, de um discurso sobre as
    diferenças culturais que busca reificar as relações, também identitárias, entre masculino e
    feminino nas camadas mais abastadas da Atenas Clássica (séc. V e IV A.E.C.).




  • 2023-07

    EXPERIÊNCIA, POLÍTICA E TRABALHO PRECÁRIO: O SINDICALISMO COMÉRCIÁRIO DE TERESINA EM QUESTÃO

    Título

    EXPERIÊNCIA, POLÍTICA E TRABALHO PRECÁRIO: O SINDICALISMO COMÉRCIÁRIO DE TERESINA EM QUESTÃO

    Autor
    Eliane Aparecida Silva
    Orientador(a)
    Cezar Teixeira Honorato
    Data de Defesa
    2023-07-03
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    261
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    André Laino
    Cezar Teixeira Honorato
    Fabiane Popinigis
    Paulo Cruz Terra
    Rosângela Assunção

    Resumo

    Esta Tese apresenta como objeto de estudo o sindicalismo comerciário de Teresina no período
    compreendido entre 2000 e 2016. Com o objetivo principal de analisar sua organização
    político-sindical, destacando como a participação político-partidária das lideranças do
    Sindicato definiu suas ações sindicais. A partir disto, buscamos caracterizar a relação entre a
    entidade e a CUT piauiense, identificar as ações coletivas (campanhas salariais, paralisações e
    greves) e, com isso, discutir os diversos aspectos da dinâmica das experiências sindicais e
    políticas dos dirigentes sindicais. Para tanto, foi realizado o levantamento e análise de um
    conjunto variado de fontes: documentos oficiais do Sindicato, dentre eles, o periódico Balcão;
    jornais de circulação local (O Dia, Diário do Povo e Meio Norte) e a metodologia da História
    Oral, com a coleta e transcrição de depoimentos de lideranças sindicais que ocuparam cargos
    políticos. Na Tese, discutimos as categorias analíticas classe trabalhadora, sindicato e Estado,
    a partir das contribuições de estudiosos alicerçados na tradição materialista histórica. O
    referencial gramsciano também apresentou-se como um instrumento teórico importante para
    analisarmos a conjuntura e refletirmos acerca da ação coletiva desses sujeitos históricos.
    Deste modo, o presente estudo foi voltado para questões referentes: à luta contra a extensão
    do trabalho no comércio aos domingos e feriados; o trabalho precário no setor do comércio,
    com ênfase nas relações e condições de trabalho da categoria, abordando ainda a realidade das
    mulheres comerciárias, no que diz respeito à divisão sexual do trabalho e ao seu cotidiano de
    trabalho; e as experiências coletivas desses sujeitos, sobretudo, as greves.




  • 2023-06

    ALFONSO PONTOGLIO, LUIGI CECCHIN E GIORGIO BARBIERI: SACERDOTES ITALIANOS EM MISSÃO NO BRASIL (1967-2010)

    Título

    ALFONSO PONTOGLIO, LUIGI CECCHIN E GIORGIO BARBIERI: SACERDOTES ITALIANOS EM MISSÃO NO BRASIL (1967-2010)

    Autor
    Emanuel Antunes da Silva Holanda
    Orientador(a)
    Jorge Luiz Ferreira
    Data de Defesa
    2023-06-30
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    237
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Jorge Luiz Ferreira
    Maria do Socorro de Abreu e Lima
    Renato Soares Coutinho

    Resumo

    A partir da encíclica de Pio XX, a Fidei Donum, milhares de padres vieram em atitude
    missionária ao Brasil e a países da América Latina e da África. Em suas atividades
    sacerdotais exerceram o ministério da Igreja sob a influência da Doutrina Social, do
    Concílio Vaticano II e do contexto da Guerra Fria. Entre estes sacerdotes estão Alfonso
    Pontoglio, Giorgio Barbieri e Luigi Cecchin. Esta dissertação estuda as trajetórias destes
    padres italianos, e através de suas histórias investiga a Itália, o Brasil e a Igreja Católica.
    Pautada na História Social, a pesquisa foi desenvolvida a partir de um conjunto
    documental múltiplo: entrevistas, documentos escritos pelos padres e sobre eles
    (homilias, cadernos, diários, biografias e relatorias de programas de rádio), assim como
    os documentos produzidos pelos órgãos de vigilância e repressão da ditadura militar,
    disponíveis no Arquivo Nacional e matérias de jornais hospedados na Hemeroteca Digital
    da Biblioteca Nacional. Por meio destas fontes elucido acontecimentos e processos que
    tangenciam as trajetórias dos sacerdotes e das sociedades nas quais eles estão imersos.
    O trabalho permeia desde a Itália fascista até o período da redemocratização no Brasil,
    acompanhando os sacerdotes da sua infância até o tempo presente. Padres estrangeiros,
    Alfonso, Giorgio e Luigi chegaram ao Brasil entre 1967 e 1969, nos primeiros anos da
    ditadura militar brasileira. Foram destinados à Diocese de Nazaré, localizada na zona da
    mata de Pernambuco. Na Diocese trabalharam pela Paróquia de Nossa Senhora da
    Apresentação em Limoeiro, onde desenvolveram obras sociais, atividades ligadas aos
    trabalhadores rurais e urbanos, assim como transformaram costumes e práticas
    recorrentes nas comunidades católicas daquela cidade agrestina. Dividida em quatro
    partes, esta dissertação é um esforço para compreender as vidas de três pessoas que em
    determinado momento de suas trajetórias optaram por servir, e no serviço tornaram-se
    parte importantíssima de outras milhares de vidas.




  • 2023-06

    "Pela vitória, pelo triunfo": engajamento político e ascensão comercial no rap brasileiro (1988-2016)

    Título

    "Pela vitória, pelo triunfo": engajamento político e ascensão comercial no rap brasileiro (1988-2016)

    Autor
    Caio Gatto Paulo
    Orientador(a)
    Juniele Rabêlo de Almeida
    Data de Defesa
    2023-06-28
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    123
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Everardo Paiva de Andrade
    Guilherme Muniz Safadi
    Juniele Rabêlo de Almeida

    Resumo

    A motivação para a presente pesquisa é explorar o conteúdo e os sentidos do diálogo entre a
    produção do rap brasileiro e as mudanças de ordem macro na estrutura social do país. Ou seja,
    quais foram e como as transformações ocorridas na sociedade brasileira impactaram material e
    ideologicamente o desenvolvimento do rap brasileiro? Ao mesmo tempo, como os rappers
    participam e se posicionam politicamente diante das questões e disputas centrais que ocorrem
    na sociedade brasileira? Diante de tais questionamentos, investe-se na hipótese de que os
    rappers formularam diferentes formas de engajamento político para cada novo contexto que se
    apresentava. Ao mesmo tempo, a síntese de tais formulações esteve diretamente ligada às
    matérias-primas fornecidas por cada nova transformação. Logo, as formas de engajamento
    produzidas pelos rappers durante a era neoliberal no país, se determinam pelas possibilidades e
    bafejam sobre as questões desse período. O mesmo para a subsequente era desenvolvimentista
    engendrada pelo Partido dos Trabalhadores (PT). Para tal, são examinadas letras, depoimentos
    e intervenções políticas dos rappers em cada período, buscando compreender as suas posições
    políticas e o modo como elas se relacionaram com as mudanças sociais e culturais ocorridas ao
    longo do tempo.




  • 2023-06

    A DEGRADAÇÃO DO PRECÁRIO: O IMPACTO DOS APLICATIVOS DE ENTREGA NO DELIVERY SOBRE DUAS RODAS (RIO DE JANEIRO: 2009- 2021)

    Título

    A DEGRADAÇÃO DO PRECÁRIO: O IMPACTO DOS APLICATIVOS DE ENTREGA NO DELIVERY SOBRE DUAS RODAS (RIO DE JANEIRO: 2009- 2021)

    Autor
    Lucas Santos Souza
    Orientador(a)
    Paulo Cruz Terra
    Data de Defesa
    2023-06-28
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    283
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Fábio Luís Ferreira Nóbrega Franco
    Marcela Soares Silva
    Marcelo Badaró Mattos
    Paulo Cruz Terra
    Virginia Maria Gomes de Mattos Fontes

    Resumo

    Este trabalho tem como objetivo geral analisar o processo de plataformização das entregas
    no Rio de Janeiro. Sob o prisma da História Social do Trabalho, busca-se aqui analisar as
    continuidades e rupturas que a chegada dos aplicativos de entrega de mercadorias
    trouxeram na atividade de delivery. Privilegiando a agência e experiência dos
    trabalhadores, o olhar esteve centrado nas condições de trabalho, composição do perfil e
    formas de resistências. Partindo de metodologia semelhante à desenvolvida pelo grupo
    "Notes from below", a qual está vinculada à tradição marxiana da enquete operária, e
    também com forte aporte da História oral, a tese possui uma estrutura de que foca, em um
    primeiro momento, em expor o ataque do capital ao trabalho via plataformização, para
    depois discutir as respostas desta parcela do proletariado a esta ofensiva. Deste modo, ela
    parte, de início, da investigação do período "pré-aplicativos", para posteriormente
    analisar as principais plataformas de entregas do Brasil, e finalmente mapear o contexto
    dos entregadores nesta terceira década do século XXI. Na segunda parte, o fio condutor
    foi construído a partir das principais formas de resistência a este processo – greves,
    cooperativas, processos trabalhistas, regulamentação, etc. –, sempre em uma perspectiva
    histórica. Os principais resultados apontam para, de um lado, o aumento da precarização
    do trabalho deste grupo com a chegada dos aplicativos de entrega de mercadoria no Brasil,
    e, de outro, o fortalecimento e mesmo criação de novas estratégias de resistência
    protagonizadas por esta parcela do proletariado.




  • 2023-06

    O MOVIMENTO MAPUCHE NO CHILE: RESISTÊNCIAS E ALTERNATIVAS AO MULTICULTURALISMO NEOLIBERAL (2014-2018)

    Título

    O MOVIMENTO MAPUCHE NO CHILE: RESISTÊNCIAS E ALTERNATIVAS AO MULTICULTURALISMO NEOLIBERAL (2014-2018)

    Autor
    Vanessa Gomes da Silva Rodrigues
    Orientador(a)
    Elisa de Campos Borges
    Data de Defesa
    2023-06-27
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    190
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Elisa de Campos Borges
    Mateus Favaro Reis
    Samantha Viz Quadrat

    Resumo

    O movimento mapuche autônomo vem se destacando na cena social e política do Chile no
    tempo presente através da atuação da Coordinadora Arauco Malleco (CAM) e Alianza
    Territorial Mapuche (ATM). Neste trabalho analisaremos a atuação dessas organizações,
    historicizando a demanda pela restituição do território ancestral e autonomia mapuche frente
    às políticas indígenas no país de 2014 a 2018. Na contemporaneidade, o direito à
    autodeterminação é central para as lutas dos povos originários na América Latina. Embora os
    mapuche vivenciem desde a segunda metade do século XIX um processo de despojo do seu
    território ancestral, na história recente o "conflito mapuche" ganhou novos contornos devido
    ao avanço do extrativismo florestal sobre o seu território localizado no sul do Chile. Diante
    desse quadro, os mapuche tem resistido ao capitalismo neoliberal, buscando (re) construir seu
    território, cultura e autonomia. Por conseguinte, analisamos neste trabalho o programa
    político e as estratégias empreendidas pela CAM e ATM para a recuperação do território
    mapuche durante o governo da Nueva Mayoría no Chile (2014–2018). Ademais,
    evidenciamos a concepção de autonomia presente no programa das duas organizações.
    Dimensionamos os conhecimentos e práticas políticas "outras" mobilizados a partir da
    cosmovisão mapuche, do pensamento próprio, da organização social e da memória. Esses
    elementos estão presentes na ação coletiva de ambos os grupos como práticas de
    interculturalidade que confrontam as políticas indígenas de reconhecimento cultural
    implantadas pelo Estado nos últimos 30 anos com base no multiculturalismo neoliberal. O
    corpo principal de fontes utilizado nesta pesquisa compreende comunicados, publicações em
    sites e mídias sociais, entrevistas e textos publicados em periódicos por essas organizações.
    Contamos também com uma vasta bibliografia sobre o tema. Para o exame das fontes usamos
    a análise de conteúdo como metodologia.




  • 2023-06

    DA PREFEITURA À PRESIDÊNCIA: DINÂMICA POLÍTICA LOCAL E RESULTADOS ELEITORAIS EM LONDRINA DURANTE A NOVA REPÚBLICA (1988-2018).

    Título

    DA PREFEITURA À PRESIDÊNCIA: DINÂMICA POLÍTICA LOCAL E RESULTADOS ELEITORAIS EM LONDRINA DURANTE A NOVA REPÚBLICA (1988-2018).

    Autor
    Matheus Moreto Guisso Rodrigues
    Orientador(a)
    Angelica Müller
    Data de Defesa
    2023-06-26
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    170
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Angelica Müller
    Frédéric Louault
    Juniele Rabêlo de Almeida

    Resumo

    Nos últimos anos, o cenário político-eleitoral no Brasil tem sofrido uma série de
    transformações que, por vezes, colocaram em risco a democracia brasileira. Exemplos
    como o mais recente processo de ruptura na história republicana do país – o impeachment
    de Dilma Rousseff, em 2016 – e a eleição desviante de 2018, que não correspondeu com
    a dinâmica eleitoral entre PT e PSDB que ocorria desde 1994, afetam direta e
    indiretamente a parcela de indivíduos regularmente convocados a se manifestar através
    das urnas: o eleitorado brasileiro. Entre as surpresas que a votação de Bolsonaro nos
    revelou, talvez a maior delas seja a de que não se tratava de uma vitória solitária. Nesse
    ínterim, em Londrina (PR), notou-se uma forte adesão à direita do espectro político por
    significativa parcela da sociedade londrinense, especialmente através dos mais de 80%
    de votos para Bolsonaro, na eleição presidencial de 2018, e o número de seguidores
    explícitos de Olavo de Carvalho. Essa é a conjuntura em que a presente pesquisa emergiu.
    Nesse sentido, o presente trabalho tem por objetivo analisar a dinâmica política e os
    resultados eleitorais da cidade de Londrina em eleições municipais e presidenciais

    durante a Nova República (1988-2018). Para isso, utilizaremos como base teórica-
    metodológica, os aportes do campo historiográfico da História do Tempo Presente.

    Através da perspectiva transdisciplinar, o historiador dedicado à História do Tempo
    Presente baseia sua interpretação dos acontecimentos temporalmente próximos na medida
    em que mobiliza diversas ferramentas de análise, buscando não somente referências nas
    áreas distintas, mas sobretudo cooperação. Em nosso caso, com a Geografia Eleitoral,
    disciplina que sistematiza questões como o contexto e a espacialidade, e a Ciência
    Política, para interpretar a dinâmica eleitoral, ambas com a finalidade de analisar o
    resultado eleitoral.




  • 2023-06

    GÊNERO, FEMINISMO, FAMÍLIA E REPRODUÇÃO SOCIAL: Marx, Engels e a Associação Internacional dos Trabalhadores (1864-1884)

    Título

    GÊNERO, FEMINISMO, FAMÍLIA E REPRODUÇÃO SOCIAL: Marx, Engels e a Associação Internacional dos Trabalhadores (1864-1884)

    Autor
    Danielle Jardim da Silva
    Orientador(a)
    Marcelo Badaró Mattos
    Data de Defesa
    2023-06-26
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    308
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Bianca Aires Imbiriba di Maio Bonente
    Carla Benitez Martins
    Marcelo Badaró Mattos
    Sara Aparecida Granemann
    Virginia Maria Gomes de Mattos Fontes

    Resumo

    Ao longo de suas trajetórias, Marx e Engels abordaram, por diversas vezes, questões ligadas ao
    gênero, à família, à reprodução social, ao papel das mulheres na sociedade e suas lutas. Com
    base no referencial da Teoria da Reprodução Social, essa tese aborda as formulações de Marx
    e Engels sobre esses temas entre 1864 e 1884. Mais especificamente, buscamos identificar
    como esses autores/lideranças viram a relação entre o capitalismo e a opressão das mulheres,
    no que tange ao papel da família e à relação entre produção e reprodução sociais, bem como de
    que maneira eles se posicionaram frente ao trabalho feminino e às lutas das mulheres,
    analisando os avanços e limites de suas contribuições. Avaliamos também como tais
    formulações foram influenciadas e interagiram com a militância feminista socialista que estava
    se desenvolvendo naquela época, tanto na Associação Internacional de Trabalhadores como na
    sociedade como um todo.




  • 2023-06

    Boate Chantecler: a representação da ascensão e do declínio nos espaços de prazer do Recife (1939-1984)

    Título

    Boate Chantecler: a representação da ascensão e do declínio nos espaços de prazer do Recife (1939-1984)

    Autor
    Olívia Tereza Pinheiro de Siqueira
    Orientador(a)
    Thaddeus Gregory Blanchette
    Data de Defesa
    2023-06-22
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    146
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Adriana Gracia Piscitelli
    Beatriz Kushnir
    Thaddeus Gregory Blanchette

    Resumo

    Tendo em vista a necessidade de trabalhos que enfoquem nas questões de gênero e sexualidade
    no Brasil, especialmente no que se refere à prostituição, esta pesquisa tem como objetivo a
    análise de um dos mais famosos cabarés do Recife, a boate Chantecler, desde seu surgimento
    até o seu suposto declínio definitivo. Por meio das reportagens veiculadas nos periódicos Diário
    da Manhã e Diario de Pernambuco, perfazemos seu percurso histórico escrutinando o cotidiano
    deste espaço através de duas vertentes, entre as quais, a realização de uma exposição artística
    durante a ditadura civil-militar, a Coletiva Chantecler, e a reconstrução de alguns fragmentos
    biográficos das prostitutas e clientes que frequentavam o local. A justificativa da pesquisa
    também reside na interligação entre a boate e o último prédio no qual ela funcionava, pois, o
    edifício em questão é um monumento datado do século XIX e tombado pelo Instituto do
    Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN desde 1998. Trabalhando com perspectivas
    ligadas às esferas do gênero, sexualidade e memória, optamos por utilizar múltiplas teorias que
    subsidiassem e enriquecesse esta discussão. No que se refere às teorias de gênero, três correntes
    do feminismo foram empregadas: o feminismo eurocêntrico, o feminismo decolonial e o
    putafeminismo. No campo da sexualidade, acionamos as autoras que trabalham com a
    historiografia da prostituição em âmbito nacional, nos fornecendo uma discussão sobre o tema
    e seus desdobramentos dentro da zona meretrícia. Já na área da memória, falamos sobre os
    embates sofridos pela construção e consolidação da memória coletiva sobre a boate Chantecler
    e os descasos promovidos pelas instituições na restauração e preservação do edifício. Estando
    o nosso objeto localizado em uma das principais capitais brasileiras no decorrer da República,
    a contextualização histórica tanto em âmbito nacional como da cidade do Recife se faz
    extremamente necessária, para que possamos compreender como o prostíbulo funcionava e
    resistia as constantes investidas dos órgãos oficiais.




  • 2023-06

    HISTÓRIAS E "MITOS" DE UM BRASIL PARALELO: Um aparelho de ação político-ideológica na "guerra cultural" da nova direita

    Título

    HISTÓRIAS E "MITOS" DE UM BRASIL PARALELO: Um aparelho de ação político-ideológica na "guerra cultural" da nova direita

    Autor
    Douglas da Silva Araujo
    Orientador(a)
    Tatiana Silva Poggi de Figueiredo
    Data de Defesa
    2023-06-21
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    332
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Gilberto Grassi Calil
    Juniele Rabêlo de Almeida
    Tatiana Silva Poggi de Figueiredo

    Resumo

    Esta dissertação propõe-se a realizar um trabalho de análise investigativa sobre a atuação da
    produtora de filmes e vídeos "Brasil Paralelo", com foco sobre suas produções que abordam
    temáticas da história e de política. Busca-se examinar como a empresa de educação e
    entretenimento associada à grupos da nova direita e bolsonaristas mobiliza em seus materiais
    determinados usos do passado e da história em torno de um projeto estratégico de disputa
    ideológica no seio da internet e das mídias digitais, investigando como se caracteriza a
    produtora e seus intelectuais, sua formação e sua trajetória na conjuntura, seus discursos, seus
    principais projetos e como ela se articula na sociedade civil a partir de determinados
    interesses políticos e sociais. Neste ínterim, se analisa a influência exercida pelo autor Olavo
    de Carvalho na produtora, considerado mentor intelectual do projeto da Brasil Paralelo. De
    modo concomitante, a pesquisa procura analisar os problemas teórico-metodológicos relativos
    ao conteúdo presente em suas narrativas de cunho revisionista/negacionista ofertadas como
    material educativo de história, e toda problemática que se coloca a partir daí no âmbito da
    escrita, do ensino e da publicização da disciplina. Com base nestes elementos, a pesquisa
    também apresenta um estudo de caso sobre como o discurso anticomunista é promovido nas
    produções da Brasil Paralelo, representando um dispositivo ideológico fundamental que
    transpassa a amplitude dos conteúdos da produtora por meio da difusão da teoria conspiratória
    do "marxismo cultural". A partir do arcabouço teórico gramsciano, procura-se identificar e
    analisar as relações estabelecidas entre a empresa, os intelectuais orgânicos e as organizações
    da nova direita, e o Estado – em sentido ampliado – na representação e na articulação de
    interesses de grupos dominantes, atuando em prol da reprodução e da legitimação dos seus
    valores e suas concepções de mundo na sociedade capitalista brasileira. Para tanto,
    examina-se as bases ideológicas ultraliberais, conservadoras e anticomunistas da produtora,
    bem como seus principais eixos de produção de consenso na conjuntura. Nestes termos, o
    objeto se insere no quadro mais amplo do processo de atualização dos mecanismos de
    dominação e das estratégias de hegemonia da burguesia no Brasil, onde novas formas
    organizativas e aparelhos de ação político-ideológica emergem nas trincheiras de uma
    derradeira "guerra cultural".




  • 2023-06

    Nas profundezas do oceano histórico: uma análise da concepção de História em Guerra e Paz (1863-1869)

    Título

    Nas profundezas do oceano histórico: uma análise da concepção de História em Guerra e Paz (1863-1869)

    Autor
    Erick Oliveira da Silva Santos
    Orientador(a)
    Daniel Aarão Reis Filho
    Data de Defesa
    2023-06-20
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    149
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Bruno Barretto Gomide
    Daniel Aarão Reis Filho
    Maria da Gloria de Oliveira

    Resumo

    No romance histórico Guerra e Paz (1863-1869), nota-se uma História comparada ao oceano,
    profunda, misteriosa e poderosa o suficiente para transformar tudo por onde passa. Tendo isso
    em vista, o principal objetivo desta dissertação é analisar a concepção de História em Guerra
    e Paz. Primeiro, busco compreender a História viva e infinita perceptível na teoria dos
    infinitesimais apresentada em Guerra e Paz. Depois, investigo o caráter misterioso e poderoso
    dos movimentos históricos através das relações entre o indivíduo e a História no romance em
    evidência. Por fim, exploro as limitações impostas à infinita, viva, poderosa e misteriosa
    História focando nas relações de Liev Tolstói com os campos ficcionais e historiográficos.
    Assim, torna-se possível defender a hipótese de que Tolstói, no intenso debate entre os
    intelectuais russos sobre os projetos de modernização da Rússia, propôs um novo modo de
    conceber a História, baseado na fundamental atenção aos infinitos e vivos elementos do
    presente.




  • 2023-04

    O Estado feudal e as relações de poder entre senhores-campesinato no reino da França (1180-1226)

    Título

    O Estado feudal e as relações de poder entre senhores-campesinato no reino da França (1180-1226)

    Autor
    Edilson Alves de Menezes Junior
    Orientador(a)
    Mário Jorge da Motta Bastos
    Data de Defesa
    2023-04-14
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    400
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Eliana Magnani Soares
    Mário Jorge da Motta Bastos
    Paulo Henrique de Carvalho Pachá
    Renato Rodrigues da Silva
    Thiago Pereira da Silva Magela

    Resumo

    A hipótese central da presente tese é que as relações sociais feudais de poder e dominação
    social, no reino da França nos séculos XII e XIII, podem ser caracterizadas nos termos de
    um Estado feudal. Sustenta-se que essa apreensão teórico-analítica da realidade feudal
    abrange e reproduz com maior complexidade e alcance a dialética concreta do período.
    Partiu-se da crítica às concepções teóricas e historiográficas predominantes, que oferecem
    outras perspectivas analíticas, à consideração do traço mais essencial das configurações
    do Estado feudal: a contradição elementar entre senhores e camponeses, a luta de classes
    da formação feudal. Defendeu-se que o Estado é a expressão dessa relação social
    contraditória, que se reproduz de forma descentralizada tendo como base a conformação
    histórica da realidade francesa do período, bem como sustentou-se a inserção ativa e
    reativa do campesinato na configuração dessas estruturas políticas.




  • 2023-04

    Entre santos, médicos e curandeiros: os sistemas terapêuticos e a religiosidade na Gália de Cesário de Arles (séculos V e VI)

    Título

    Entre santos, médicos e curandeiros: os sistemas terapêuticos e a religiosidade na Gália de Cesário de Arles (séculos V e VI)

    Autor
    Marcos Pedrazzi Chacon
    Orientador(a)
    Edmar Checon de Freitas
    Data de Defesa
    2023-04-10
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    203
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Edmar Checon de Freitas
    Mário Jorge da Motta Bastos
    Paulo Duarte Silva

    Resumo

    O presente trabalho tem como objetivo investigar os discursos produzidos por Cesário de
    Arles (c. 470-542) acerca das categorias da doença e da cura e dos sistemas terapêuticos,
    conjuntos de práticas e crenças propostas como eficazes para restaurar a saúde dos enfermos,
    as quais contavam com seus próprios praticantes ou "agentes da cura", personificados pelas
    figuras do médico, do presbítero, do santo e do curandeiro popular. Para isso, fez-se uso de
    uma ampla documentação produzida, mormente, entre os séculos V e VII, com destaque para
    os sermões de Cesário de Arles, mas também abrangendo: algumas narrativas hagiográficas,
    como a Vita Caesarii de Cipriano de Toulon e outros, as duas Vitae Radegundis, escritas por
    Venâncio Fortunato e Baudonívia e a Vita Martini de Sulpício Severo; tratados sobre a teoria e
    a prática médica, tais quais a Epistula ad Pentadium de Vindiciano e o De medicamentis de
    Marcelo de Bordeaux; além das célebres Etymologiae de Isidoro de Sevilha. Valendo-se da
    útil metodologia da Análise do Discurso Crítica e estabelecendo diálogos com a história
    política, cultural, religiosa e a médica, o estudo seguiu diferentes etapas. Em primeiro lugar,
    abordou-se a trajetória de vida de Cesário na Gália do século VI, um período marcado pelo
    poderio dos bispos e dos esforços eclesiásticos pela conversão e cristianização dos campos.
    Em segundo lugar, discorreu-se acerca das concepções medievais, por um lado, do corpo e da
    alma e, por outro, da saúde e da doença, as quais se encontravam profundamente interligadas.
    Adiante, explicou-se como o relacionamento entre os sistemas terapêuticos não era pautado
    tão somente por conflitos, mas envolvia trocas e diálogos. Ademais, tendo por base a
    documentação, procedeu-se à caracterização de cada um dos sistemas terapêuticos, seus
    agentes e práticas. Além disso, por tal análise, verificou-se que o limiar entre os três sistemas
    se encontrava, por vezes, apagado, e que, ao manter uma distinção hierárquica entre eles,
    Cesário cumpria o objetivo discursivo de sustentar uma relação assimétrica de poder no meio
    social com a Igreja em seu topo.




  • 2023-04

    IMPRENSA E TRABALHADORES NO ANO DE 1935: O EMBATE DO JORNAL ALIANCISTA A MANHÃ CONTRA OS DIÁRIOS ASSOCIADOS

    Título

    IMPRENSA E TRABALHADORES NO ANO DE 1935: O EMBATE DO JORNAL ALIANCISTA A MANHÃ CONTRA OS DIÁRIOS ASSOCIADOS

    Autor
    Gilson Dos Reis Melo Filho
    Orientador(a)
    Paulo Cruz Terra
    Data de Defesa
    2023-04-05
    Nivel
    Mestrado
    Páginas
    179
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Laura Antunes Maciel
    Paulo Cruz Terra
    Paulo Roberto Ribeiro Fontes

    Resumo

    A Constituição de 1934 e os decretos da legislação trabalhista desse período possibilitaram
    rearranjos no operariado carioca, alargando a discussão sobre uma maior autonomia
    sindical e, pelo menos no papel, uma maior liberdade de expressão para os meios de
    comunicação. Com base nesse novo contexto histórico, a dissertação tem por objetivo
    analisar dois projetos políticos distintos que ocorreram na imprensa carioca no ano de 1935.
    O primeiro será estudar o projeto político contido no jornal A Manhã, ligado ao movimento
    aliancista e de esquerda. A base da análise será pautada em entender como ele tentou
    mobilizar os trabalhadores para as suas fileiras e como ele se portou sendo um órgão da
    imprensa operária no campo jornalístico da época, vivendo com poucos recursos e o perigo
    da censura. O segundo projeto político será analisar O Jornal, periódico que fazia parte do
    grande conglomerado jornalístico Diários Associados, que apresentava um projeto político
    em consonância com os grupos do poder, tendo uma produção caracterizada como
    "empresarial". No embate entre os dois projetos políticos, se pretende discutir as relações
    trabalhistas da época, o papel das autoridades e do Estado, as diferentes visões sobre as leis
    sociais e as diferenças de tratamento sobre greves, comícios e convenções coletivas.




  • 2023-04

    Celeiro de craques: O futebol suburbano para além dos clubes grandes

    Título

    Celeiro de craques: O futebol suburbano para além dos clubes grandes

    Autor
    Glauco José Costa Souza
    Orientador(a)
    Lívia Gonçalves Magalhães
    Data de Defesa
    2023-04-03
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    229
    Volumes
    1
    Banca de Defesa
    Bernardo Borges Buarque de Hollanda
    Leda Maria da Costa
    Lívia Gonçalves Magalhães
    Renato Soares Coutinho
    Sérgio Settani Giglio

    Resumo

    O presente trabalho almeja discutir o desenvolvimento do futebol nos Subúrbios
    do Rio de Janeiro na primeira metade do século XX. A análise será feita a respeitos dos
    clubes e competições organizados nestas localidades, como forma de identificar alguns
    dos agentes envolvidos e suas formas de atuação ao longo destes processos. Assim,
    buscamos dar vozes a pessoas outrora esquecidos e que, principalmente, contribuíram de
    forma decisiva para o desenvolvimento futebolístico Capital Federal do Brasil e também
    fora dela, haja vista a influência cultural. que centro político nacional exerceu ao longo
    da Primeira República.




  • 2023-03

    INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E EXPANSÃO CAFEEIRA EM TEMPOS DE "SEGUNDA ESCRAVIDÃO": UM ESTUDO DE CASO A PARTIR DO MUNICÍPIO DE CANTAGALO - RJ (1850-1888)

    Título

    INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E EXPANSÃO CAFEEIRA EM TEMPOS DE "SEGUNDA ESCRAVIDÃO": UM ESTUDO DE CASO A PARTIR DO MUNICÍPIO DE CANTAGALO - RJ (1850-1888)

    Autor
    Marcos de Brito Monteiro Marinho
    Orientador(a)
    Carlos Gabriel Guimarães
    Data de Defesa
    2023-03-31
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    631
    Volumes
    2
    Banca de Defesa
    Carlos Gabriel Guimarães
    Jonis Freire
    Mariana de Aguiar Ferreira Muaze
    Rafael de Bivar Marquese
    Walter Luiz Carneiro de Mattos Pereira

    Resumo

    O presente trabalho tem como objetivo analisar as relações entre escravidão,
    cafeicultura e a inovação tecnológica aplicada, principalmente, ao beneficiamento do
    café no Vale do Paraíba Fluminense. Este processo se deu um contexto de forte
    expansão dos mercados globais do café, pois tratava-se de um dos principais
    estimulantes utilizados pelas classes trabalhadoras urbanas dos Estados Unidos e da
    Europa na segunda metade do século XIX. A Vila de São Pedro de Cantagalo, fundada
    em 1814, é um espaço privilegiado para realizarmos esta investigação. A partir da
    década de 1860, esta região vivenciou um intenso processo de inovação tecnológica no
    beneficiamento e no transporte do café, com a inauguração da Estrada de Ferro
    Cantagalo, que contribuiu significativamente para que a cafeicultura local atingisse seu
    apogeu e maturidade. A inovação tecnológica incidia sobre a produção das fazendas de
    duas maneiras: 1) permitia aos proprietários expandir suas plantações mesmo quando a
    aquisição de novos trabalhadores se mostrou difícil nos anos finais da escravidão; e 2)
    mostraram-se capazes de ampliar os mecanismos de acumulação cafeeira, na medida em
    que aumentavam e/ou preservavam o valor de uso da mercadoria em questão, cujo
    aroma e sabor eram suscetíveis à bruscas variações em razão do contato com a umidade.
    Por estas razões, a região de Cantagalo, área de atuação de grandes escravistas como
    Antônio Clemente Pinto, o Barão de Nova Friburgo, e do Comendador Jacob Van
    Erven, se tornou uma das maiores produtoras de café do Império do Brasil até a crise da
    abolição.




  • 2023-03

    Governar a violência Homicídio e justiça em Vila Rica e Buenos Aires (c. 1750 – c. 1822)

    Título

    Governar a violência Homicídio e justiça em Vila Rica e Buenos Aires (c. 1750 – c. 1822)

    Autor
    Douglas Corrêa de Paulo Santos
    Orientador(a)
    Maria Fernanda Baptista Bicalho
    Data de Defesa
    2023-03-31
    Nivel
    Doutorado
    Páginas
    483
    Volumes
    Banca de Defesa
    Álvaro de Araujo Antunes
    Andrea Slemian
    Darío Gabriel Barriera
    Manuel Carlos Bastias Saavedra
    Maria Fernanda Baptista Bicalho

    Resumo

    Esta investigação tem por objetivo realizar uma comparação sistemática das
    características da criminalização e penalização do homicídio em duas cidades coloniais
    ibero-americanas na segunda metade do século XVIII. Para isso realizo uma análise dos
    enquadramentos políticos e sociais a que Vila Rica do Ouro Preto e Buenos Aires estavam
    vinculadas, a formação e transformação do equipamento judicial em suas múltiplas
    autoridades e competências, a atividade judicial dos foros municipais e sua interface com
    a sociedade colonial, os procedimentos de incriminação, as lógicas próprias da cultura
    jurídica criminal de Antigo Regime e os fatores que regiam a definição das sanções aos
    acusados.




language

Siga-nos